TÓPICOS

Parque Nacional de Galápagos monitora a nidificação de tartarugas marinhas

Parque Nacional de Galápagos monitora a nidificação de tartarugas marinhas

A Diretoria do Parque Nacional de Galápagos (GNPD) instalou dois campos de monitoramento para acompanhar de perto o início da temporada de desova das tartarugas marinhas na Reserva de Galápagos, informou nesta segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016, o portal digital oficial El Ciudadano. De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, este ano, os guarda-parques e voluntários do GNPD vão registrar o número de tartarugas, ninhos e eficácia reprodutiva da tartaruga verde (Chelonia mydas) na Reserva Marinha de Galápagos. Além disso, vão medir o efeito que o fenômeno El Niño produz sobre a espécie, dentro do programa de monitoramento da safra 2016.

O guarda florestal Eduardo Espinoza, garantiu que o evento El Niño afeta todos os organismos do mar e as tartarugas marinhas são répteis que dependem das condições atmosféricas para nidificar. Com esse monitoramento e o apoio de grupos de voluntários do GNPD entre locais, nacionais e estrangeiros, a autoridade ambiental espera medir os efeitos climáticos sobre esta espécie que está na lista vermelha da União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN). Os procedimentos de monitoramento desta e de outras espécies marinhas foram unificados em todas as áreas protegidas do país, indicou o Cidadão. “As tartarugas marinhas são uma espécie emblemática e o governo equatoriano implementou um plano de ação para protegê-las em nível nacional”, lembrou Espinoza.

Jornal EL COMERCIO


Vídeo: Ilhas Galápagos. EQUADOR - Ep. 2. SÉRIE Viaje Comigo (Setembro 2021).